Arquitetura

Uruguai tem sido ao longo da historia o produto de aportes de diferentes culturas e esta característica tão própria do país também se manifesta em sua arquitetura. Não importa onde você olhe, pode ser em Montevidéu ou em uma construção rural, mas aonde olhemos haverá uma obra arquitetônica pronta para surpreender.
Mausoleo de Artigas (Montevidéu)

Mausoleo de Artigas (Montevidéu)

A praça Independência e um dos lugares preferidos dos turistas para imortalizar sua estadia em Montevidéu. Uma das visitas obrigatórias é o Mausoléu de Artigas. Ali no meio de uma atmosfera solene, descansam os restos do prócer nacional. Trata-se de uma obra minimalista em granito que, ao redor da urna, reproduz alguns dos lemas do ideário artiguista.
Localização: Localiza-se no centro da Plaza Independencia, onde nasce a Avenida 18 de Julio. Aberto todos os dias.

Palacio Legislativo (Montevideu)

Palacio Legislativo (Montevideu)

A sede do Poder Legislativo uruguaio é uma das joias arquitetônicas de Montevidéu. Esta grande obra construída em mármore foi inaugurada em 1925 e não somente surpreende por sua arquitetura neoclássica, mas também pela riqueza de sua decoração interior. Nesta sede onde secionam o Senado e a Camara de Deputados, também se encontra uma das bibliotecas mais importantes do país. As visitas se realizam de segundas a sextas, em vários idiomas. Endereço: Av. de las Leyes s/n.
Telefone: 142; interno: 2528/2781.
(www.parlamento.gub.uy)

Palacio Salvo (Montevidéu)

Palacio Salvo (Montevidéu)

É uma da tomas preferidas para as fotos dos turistas. Trata-se de um edifício art deco que data de 1928 e que com seus 105 metros de altura foi, até mediados da década de 1930 a edificação mais alta de America do Sul. Onde nasce o edifício, esteve instalada a confeitaria na qual se tocou por primeira vez La Cumparsita, o tango mais conhecido a nível mundial.
Localização: Rua Independencia e 18 de Julio

Plaza de Toros Real de San Carlos (Colonia)

Plaza de Toros Real de San Carlos (Colonia)

A Praça de Toros Real de San Carlos é outro ícone da cidade. Localizada a uns 4 quilômetros do bairro histórico, esta enorme estrutura é hoje aguentada por suportes. A obra tem um estilo mudejar e sua arena de pasto esta rodeada por uma arquibancada. Foi realizada pelo arquiteto Jose Marcovich e inaugurada em 1910. Somente oito corridas oficiais ocorreram nesse lugar, já que foram proibidas em 1912 pelo presidente Jose Batlle y Ordoñez. Na metade da década de 1930 se realizaram esforços para seguir com as corridas unicamente neste estado e particularmente nesta Praça, mas o projeto fracassou.
Localização: Av. Mihanovich e Rio de La Plata, Colonia

Calle de los Suspiros (Colonia del Sacramento)

Calle de los Suspiros (Colonia del Sacramento)

Esta ruazinha com paralelepípedos e estreita constitui um símbolo da cidade de Colonia. E além de ter um encanto particular devido a beleza das construções que ali estão, apresenta uma oferta gastronômica única a poucos passos da costa. Desde seu ângulo se aprecia o rio, e nos dias ventosos se gera uma corrente de ar que acaricia aos transeuntes. Nesses casos ter um casaquinho é a melhor opção.
Localização: Esquina Henriquez de la Peña, Colonia del Sacramento, Colonia

Castillo Pittamiglio (Las Flores-Piriápolis)

Castillo Pittamiglio (Las Flores-Piriápolis)

O arquiteto Humberto Pittamiglio, aluno de Francisco Piria na arte da alquimia, construiu em 1956 esta bela residência em Las Flores, a uns minutos de Piriapolis. Era um lugar de retiro onde passava seus verões. O magnífico de sua fachada, que lembra a um castelo da Idade Media, contrasta com um delicado e reduzido interior. Uma imagem de Cristo domina a vista do jardim.
Localização: Ruta 71, Las Flores, a um quilometro da Ruta Interbalnearia. Visitas de quartas a domingo.

El Aguila

El Aguila

A dois kilometros do centro de Atlantida, em Villa Argentina, se encontra o passeio mais emblemático da zona: El Aguila, uma construção de pedra enfrente do mar e dona de inumeráveis historias. Alguns contam que era um esconderijo de contrabandistas, outros asseguram que ali havia um laboratório de alquimista e também existe a lenda de que foi um refugiu nazista na Segunda Guerra Mundial. No entanto, em realidade foi uma obra arquitetônica artesanal (nunca existiram planos) e se converteu em um símbolo do balneário.

Localização: Podemos chegar A Águia pelas ruas internas de Atlantida e Villa Argentina ou desde a ruta Interbalnearia ingressando no kilometro 43.

Casapueblo (Punta Ballena)

Casapueblo (Punta Ballena)

O segredo de Casapueblo está no sol. É por isso que a hora perfeita para desfrutar de este lugar tão especial é durante a tarde; para alguns, desde as sacadas de esta obra criada por Carlos Paez Vilaro (1923-2014). Este prolifero pintor e escultor, um dos mais populares e queridos de Uruguai, transformou este edifício em uma peça de arte que construiu com suas mãos e que ele mesmo considerava como uma escultura habitável. Erguida sobre o lombo de Punta Ballena, Casapueblo é uma referencia direta as construções do Mediterrâneo, com o predomínio da cor branca e sempre de cara com o mar. Páez Vilaró não era arquiteto, mas desenhou a obra inspirando-se na natureza; em especial no ninho de João de Barro . Ali funciona todo o ano o museu dedicado ao artista, um passeio que implica submergir-se em cada período de sua obra e que termina na cerimônia do sol, pelo qual os visitantes assistem a posta do astro rei enquanto escutam um poema recitado pelo artista. (carlospaezvilaro.com.uy).
Localização: Av. Panorámica, Camino a la Ballena, Maldonado